.Mais sobre mim

.BEM-VINDO/A!

Bem-vindo/a a este blog dedicado à talentosa atriz portuguesa Rita Pereira. Aqui encontrarás as últimas notícias, fotos, vídeos e muito mais sobre a Rita. Espero que gostes do meu trabalho e volta sempre que quiseres.

.REDES SOCIAIS

FACEBOOK OFICIAL DO BLOG

FACEBOOK OFICIAL DA RITA

TWITTER OFICIAL

INSTAGRAM OFICIAL

.GALERIA DE FOTOS

.Informações do blog

Dedicado: Rita Pereira Desde:24 de Maio de 2008 Administradora: Patrícia

.Notícias recentes

. Entrevista exclusiva a Ri...

. “Não fumo, não bebo e não...

. Reencontro: Rita Pereira ...

. “Eu e o Rodrigo Menezes n...

. Rita Pereira desmente rel...

. Facebook

. Rita Pereira: "Vou de fér...

. Rita Pereira: "Faço quest...

. “Não posso chorar”

. Roupa interior não é para...

.Arquivos

. Novembro 2018

. Julho 2018

. Março 2018

. Julho 2017

. Junho 2017

. Janeiro 2017

. Agosto 2016

. Março 2016

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Março 2011

. Dezembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Junho 2009

. Dezembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

.Pesquisar

 

.tags

. todas as tags

.subscrever feeds

Segunda-feira, 16 de Março de 2015

Entrevista exclusiva a Rita Pereira em comemoração dos 33 anos no Câmara Exclusiva - 13.03.2015

 

publicado por *Patricia* às 13:50
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 21 de Janeiro de 2014

“Não fumo, não bebo e não me drogo…”

Viajante incansável, Rita Pereira já vai no seu terceiro passaporte, tantos são os carimbos que vai coleccionando nas fronteiras dos mais diversos países do mundo.

Recém-regressada de Angola, depois de uma longa viagem de turismo e lazer por terras de África e América do Sul, a actriz disse ao Sapo Fama que “as férias foram fabulosas” e que deram para visitar quase uma dúzia de países.

Rita sabe que é bastante invejada por “muitos colegas”, mas tem uma resposta para os críticos: “Dizem que tenho montes de sorte porque estou sempre a viajar. Não é sorte! Não fumo, não bebo, não me drogo, não gasto dinheiro em coisas fúteis, não tenho malas caras. O meu vício e onde gasto o meu dinheiro é em viagens”, sublinhou.

Rita Pereira é aventureira mas não viaja sozinha e cada saída é uma oportunidade para estar perto de quem mais gosta. É para isso que, segundo diz, trabalha que “nem uma maluca” durante o ano:

“Em todas as viagens que faço levo a minha irmã, ou o meu pai, a minha mãe, ou os meus amigos. Isso é o que me deixa realmente feliz: poder partilhar com quem mais gosto aquilo que ganho no trabalho ao longo de um ano inteiro”.

A Tailândia é o seu próximo destino de sonho mas, para já, as férias acabaram. Ainda este mês, a actriz voltará a viajar, para a Alemanha, Luxemburgo e Suíça, mas agora em trabalho.

Da Suíça, a actriz garante que irá trazer grandes novidades já que vai ser a embaixadora de uma grande marca internacional.

 

Fonte: rita-pereira.org

publicado por *Patricia* às 16:55
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 7 de Outubro de 2013

Reencontro: Rita Pereira consola pais de Angélico

O encontro da atriz com os pais do cantor

 

A atriz jantou com os progenitores do malogrado cantor com quem namorou. E não escondeu a emoção do reencontro.

Foi no jantar de celebração dos 30 anos de carreira do cabeleireiro Eduardo Beauté, no espaço Main Lisbon, que Rita Pereira se cruzou com Milton Angélico e Filomena Vieira. Logo que se encontraram, a atriz não deixou de dar um sentido abraço à mãe do ex-namorado que perdeu a vida num acidente de viação em junho de 2011.

Rita preferiu não falar do reencontro em público, sendo que é sabido que continuou sempre a dar-se com Filomena Vieira após a morte de Angélico.

Durante o discurso do anfitrião Beauté, a mãe de Angélico emocionou-se e Rita Pereira foi uma das pessoas que a consolou, acompanhando-a depois à saída.

 

Fonte: Dn

publicado por *Patricia* às 14:48
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 1 de Outubro de 2013

“Eu e o Rodrigo Menezes não somos namorados”

Numa viagem com a Lux a Marrocos, Rita Pereira explica as duras críticas que teceu a alguma imprensa, esclarece a polémica à volta da sua lesão e garante estar solteira

Nas ruas da medina de Marraquexe, os vendedores elogiavam-na: “Oh, elle est belle comme la jade.” A verdade é que a própria Rita Pereira diz que os locais acham que ela é “marroquina” e isso fá-la sentir-se “muito bem” naquele país do norte de África, onde passeou, a convite da Lux e da Delegação do Turismo de Marrocos. Bebeu chá de menta, comeu cuscuz e regateou. Muito! Sentada num sofá do hotel Hivernage, desabafou com a Lux sobre as notícias que têm saído a seu respeito, relativamente à lesão contraída no programa “Dança com as Estrelas”, ao seu corpo e a um possível namoro com Rodrigo Menezes. Garantiu estar solteira: “A próxima pessoa que apresentar aos meus pais será aquela com quem quero ficar para sempre”, disse.

LUX – Porque é que aceitou o convite para esta viagem a Marrocos, uma semana depois de tecer duras críticas às revistas de sociedade, no “Dança com as Estrelas”?

Rita Pereira - É fácil responder a isso. Há algumas publicações que vendem mentiras e outras que escrevem a verdade, como a Lux, a Caras… Ainda que muitas vezes as pessoas não consigam distinguir as revistas, eu consigo. Dou muito poucas entrevistas com produções por ano, e a Lux é sempre uma das minhas escolhas, se não a única. Por aí se vê que não tenho a mesma opinião sobre toda a imprensa.

O que a levou a tecer aqueles comentários?

Dou-lhe exemplos muito concretos, porque sou conhecida por ser directa. Digo o que tenho a dizer sem medo das consequências, até porque hoje em dia também temos voz, com as nossas páginas no Facebook. A partir do momento em que tenho um milhão e trezentas mil pessoas a ver um post meu, acho que posso ser considerada uma opinion maker, e certas publicações deixam de ter credibilidade com os nossos esclarecimentos no Facebook. Fui aprendendo que a culpa do que é publicado é de directores que não gostam de nós e misturam a opinião com o seu desempenho profissional.

Quando fala nesse post de um vídeo, refere-se à notícia que dizia ter silicone?

Sim. Há anos que digo que, quando colocar silicone, serei a primeira a assumi-lo. Sou completamente a favor do silicone e das cirurgias plásticas, e sempre disse que, depois de ter filhos, vou colocar silicone.

Sente-se perseguida?

Completamente! Aliás, não pela imprensa em geral. Estou em paz com as publicações, à excepção de duas: o Correio da Manhã e a TV Guia. No entanto, amadureci muito, aprendi com os meus erros.

Que erros?

Abrir demasiado o campo da vida privada. O facto de ter tido um namorado [Angélico Vieira] que era uma figura pública tornou-me mais exposta. Passarem dez anos e aprendi. Sei que palavras usar para que não distorçam aquilo que eu digo.

Em que medida é que a afecta a publicação de matérias sobre a sua vida privada?

Quando sou capa com mentiras, e sei-o através de amigos, porque não leio… Fico a pensar nisso durante uma hora. Devo responder? Depois, penso nas coisas importantes da vida. É a tal maturidade. Antigamente, ficava zangada e ofendida, queria vingar-me. Hoje em dia, ou os ponho em tribunal ou ignoro-os, simplesmente.

Diz que já não se deixa afectar tanto. Isso ainda condiciona o seu dia a dia?

Não. Antigamente, se calhar, não teria vindo nesta viagem, porque as pessoas iam pensar que afinal não estava lesionada. Se calhar, não saía [à noite] a seguir a ter-me magoado. Hoje em dia, aproveito todos os minutos da minha vida para ser feliz.

Perguntava-lhe isto com base numa situação específica: quando o Rodrigo Menezes foi detido numa operação stop no Algarve, li que estava preocupada por estar no local e por isso poder prejudicá-la…

Não. Mantive-me serena, porque… Não posso falar muito sobre isto, a pedido da advogada do Rodrigo, ainda que tenha sido tudo uma enorme injustiça. Mantive-me calma, e depois peguei no carro dele e fui atrás do da polícia, onde ele seguia. Seria a última pessoa a pensar na imagem para não defender o Rodrigo, que é uma pessoa que adoro. Um dos meus melhores amigos.

São namorados?

Não. Por mais que queiram… O Rodrigo é a minha pessoa em versão masculina. Adoro-o com todo o meu coração. Já fizemos quatro novelas juntos, três delas como casal. Foi uma amizade que cresceu…

Sobre a sua lesão: qual é a verdadeira dimensão do problema?

Estava a dançar jive e, num movimento, tive uma dor horrível. Sentei-me e, quando tentei levantar-me, não consegui. Chamei o fisioterapeuta presente e ele disse-me logo que, pela dor que tinha, só podia ter rasgado o músculo. Quando fiz a ecografia, os médicos viram que tinha um rasgão de três centímetros na parte de trás da coxa. Uma situação grave.

Foi o médico que lhe disse para não participar no programa?

Foi. O médico disse-me logo que não podia continuar, mas eu chamei-o à parte e perguntei-lhe o que é que podia acontecer se arriscasse. Ele disse-me que podia ficar coxa para o resto da vida.

Mesmo assim, pode andar e fazer outros movimentos?

Posso. O médico pediu-me para usar muletas nos primeiros três ou quatro dias. Nessa sexta-feira, sim, chorei. Fui para casa! O Pedro Teixeira ligou ao Rodrigo Menezes e disse: “Vai buscar a Rita a casa, porque ela vai deprimir.” Ele foi buscar-me a casa e fui sair à noite. O facto de ter saído à noite não quer dizer que não estivesse lesionada. Eu é que controlo a minha dor!

Sente-se melhor, hoje?

Sim. Passaram 12 dias desde que me lesionei. Antes de vir para Marrocos, telefonei ao fisioterapeuta, que me disse não haver problema e para tomar os medicamentos caso tivesse dores. Além disso, o médico disse-me que o facto de eu fazer exercício levava o músculo a recuperar mais rapidamente.

Chorou quando soube da lesão… Tinha o objectivo de ganhar o programa?

Não estava lá para ganhar. Chorei porque amo dançar, e este programa foi um sonho tornado realidade. No entanto, qualquer pessoa que entra num concurso quer chegar ao fim.

Depois de uma telenovela e do “Dança Com As Estrelas”, vai ter finalmente férias?

Ainda não. Enquanto estive a fazer o programa, fui chamada para o casting de um filme [o "Sei Lá", do Joaquim Leitão], e já tinha tudo planeado de forma a conciliar as filmagens com o programa.

O que representa para si esse desafio?

[sorriso] Conseguir entrar na sétima arte, finalmente. Estou muito feliz, por estar a fazer cinema.

Depois do filme, há planos para férias?

Sim, depois há planos. Quero ver se consigo ir finalmente à Tailândia.

Com quem? Há dois meses disse à Lux que não tinha namorada, mas que gostaria de ter. A situação alterou-se?

Não! [risos] Continuo a dormir com as minhas cadelas.

E os rumores de uma relação com o Demo [Tó Pereira, dos Expensive Soul]?

Isso já corre há dois anos. No início, preocupei-me e não ia aos concertos do Tó, para não acharem isso. Ele próprio tem a sua vida pessoal e não queria prejudicá-lo nesse campo. Hoje em dia, a amizade é mais importante do que o que pode ser escrito, e o Tó é um dos meus melhores amigos.

O que é que um homem precisa de ter para a conquistar?

A minha irmã diz que sou demasiado esquisita. E sou…

Inibi-se de ter aventuras, casos, com receio de que se possa saber?

Não é o facto de se tornar público. É uma questão de confiar na pessoa. Quero que a pessoa que está comigo esteja comigo e não com a ‘Rita Pereira’. Tenho grande dificuldade em confiar nas pessoas, seja para dar beijinhos, seja para namorar. A próxima pessoa que estiver comigo e que eu apresentar aos meus pais será a pessoa com quem quero ficar para sempre.

Eles são exigentes com isso?

Não, nada… Estão sempre a perguntar-me se tenho namorado. A minha mãe, sobretudo. E tenta arranjar-me namorados…

Falando desta viagem: já tinha vindo a Marrocos?

Sim. Aceitei voltar porque adoro o país. As pessoas tratam-me sempre muito bem. Acham que sou marroquina e têm um carinho diferente. Além disso, adoro o facto de isto ser um mundo à parte. Adoro os cheiros, as cores, os sons, adoro regatear, adoro comprar coisinhas que se calhar nunca vou usar. Adoro a língua árabe e a gastronomia. Marraquexe é uma cidade onde me sinto segura. Marrocos é seguro, até para as mulheres, andarem sozinhas na medina. Ainda me falta visitar Fez: toda a gente diz que é lindo! E gostava de ir ao deserto…

 

Fonte: rita-pereira.org

publicado por *Patricia* às 00:27
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Segunda-feira, 30 de Setembro de 2013

Rita Pereira desmente relação com Rodrigo Menezes

A actriz Rita Pereira garantiu, em entrevista à revista Lux, que está solteira e que não tem uma relação amorosa com o também actor, Rodrigo Menezes

 

Em entrevista à Lux, na cidade de Marraquexe, Rita Pereira colocou fim aos rumores que têm saído na imprensa, que dão conta de que a actriz tem um relacionamento com Rodrigo Menezes.

“Continuo a dormir com as minhas cadelas”, respondeu Rita Pereira. “O Rodrigo é um dos meus melhores amigos, mas não somos namorados, por mais que queiram”, continuou a actriz.

“O Rodrigo é a minha pessoa em versão masculina. Adoro-o com todo o meu coração. Já fizemos três novelas juntos, três delas como casal. Foi uma amizade que cresceu” ,explicou Rita.

Na mesma entrevista, Rita Pereira admitiu que tem “grande dificuldade em confiar nas pessoas, seja para dar beijinhos, seja para namorar”, e garante que o próximo homem que apresentar aos seus pais será o companheiro com quem quer ficar “para sempre”.

 

Fonte: Noticias ao minuto

publicado por *Patricia* às 23:53
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 21 de Agosto de 2013

Facebook

OBRIGADA RITA PINHEIRO!!! OBRIGADA CORREIO DA MANHÃ!!! OBRIGADA AOS MEUS PAIS POR SEREM OS MELHORES CIRURGIÕES DO MUNDO!!! EHEHEH!!!

publicado por *Patricia* às 00:04
link do post | comentar | favorito
Sábado, 13 de Julho de 2013

Rita Pereira: "Vou de férias com a família"

A atriz está ansiosa por gozar uns merecidos dias de descanso na companhia dos  pais e da irmã

A pouco mais de um mês de deixar o papel da mecânica Nanda de “Destinos  Cruzados”, da TVI, Rita Pereira conta os dias para ir de  férias.

Como é habitual, no mês de agosto desfrutará de uns dias de sol com aqueles  que lhe são mais queridos. “Vou de férias com a minha família e vamos ficar por  Portugal. Só dá para ser no mês de agosto, porque é a única altura em que o meu  pai, a minha mãe, a minha irmã e eu estamos livres de compromissos  profissionais”, disse a atriz à tvmais.

No mês seguinte, em setembro, quer fazer uma grande viagem, para um destino  com praia. “Estou a planear ir à Tailândia ou à Indonésia com algumas amigas e  com a minha irmã. São dois países que quero muito conhecer”, contou.

 

Fonte: Activa

publicado por *Patricia* às 23:21
link do post | comentar | favorito

Rita Pereira: "Faço questão de defender os meus ideais"

 

Sem papas na língua, a atriz Rita Pereira fala de amor e das polémicas à sua volta e da carreira.

Acredita que há, de facto, destinos cruzados?

(risos) Acredito. Acho que o grande exemplo disso sou eu e a minha melhor amiga. Apesar de ela viver em Angola há oito anos, os nossos destinos cruzam-se constantemente, desde os 14 anos.

Dá muito valor à amizade?

Dou. Tenho muito poucos amigos, porque dou muito pouca confiança. E quando dou, dou mesmo a sério. Não me rio, nem sou simpática para toda a gente. Sempre fui assim.

Depois de se tornar a Rita Pereira, sentiu que havia mais pessoas a quererem ser suas amigas?

 Acho que isso é inevitável. Não é uma coisa a que eu dê valor, e muitas pessoas se calhar fazem-no sem maldade, se calhar ficam fascinadas com uma pessoa que aparece na televisão. Por exemplo, eu já trabalhava como manequim, e era muito desprezada pelas pessoas do mundo da moda. Sempre fui a gorda, era posta de lado, não fazia desfiles, não fazia editoriais de moda. O que fazia era publicidade.

'Destinos Cruzados', que protagoniza, está 'a fritar-lhe a pipoca', como diz a sua personagem, ou é música para os seus ouvidos?

(risos) Sempre disse que a Estrelinha de 'Doce Fugitiva' era a minha preferida, mas neste momento consegui encontrar uma personagem que me deixou indecisa. Tenho tido dos melhores feedbacks de sempre, tanto a nível de personagem como de 'acting' e isso para mim é o mais importante. As pessoas na rua falou-me muito da Nanda.

 

A Rita não usa essas expressões no dia a dia, é fácil decorar tantas?

 É difícil, mas quando se estuda o texto em casa, tudo é simples no platô. Eu estudo em casa, tenho tudo pensado antes de chegar a estúdio. Quando chego já propus ao meu colega, ao realizador fazer aquilo, porque estudei em casa.

Ainda continua muitas horas à espera para gravar cenas da novela, como se queixou?

O post que escrevi [no Facebook] foi só e apenas ligado à minha produção, não foi direcionado à Plural, não é à TVI. Falei por mim, pelos meus colegas e pela minha equipa.

 

Não teve reações da Plural?

 Foi tranquilo. Disseram-me apenas, para quando for assim falar com eles em vez de escrever no meu 'jornal'.

 

Em nenhum momento pensou que isso a podia prejudicar?

Pensei, mas aprendi com colegas meus mais velhos a não ficar calada. E se há 10 anos eu chegava e tinha uma cadeira para me sentar e tinha pessoas que olhavam para mim com respeito, faço questão de ser tratada da mesma maneira 10 anos depois e de defender os meus ideais, para que os novos que cheguem possam ter essas condições de trabalho, que estão a desaparecer.

 

Sente que por ser a Rita Pereira pode fazer isso?

Não tem a ver com isso. Primeiro, foi a explosão depois de oito meses de gravações mais dois de ensaios, em que aconteceram coisas que achei que estavam incorretas. E depois é a minha personalidade. Não  acho que tenho o rei na barriga, neste momento estamos todos por igual. Eu não sei se vou ter contrato outra vez, nem trabalho. Não é por ser a Rita Pereira que posso fazer isto. Sou profissional o suficiente para poder dizer isto, posso levar na cabeça e ter consequências, mas estou de consciência tranquila.

 

Pode mesmo vir a perder o contrato de exclusividade?

Nada está garantido.

 

Isso preocupa-a?

Claro que sim. Principalmente por ver como o país está. Passo por isso através da minha família. Sei o que se passa, apesar de ter trabalho e um ordenado acima da média. Não nasci numa família rica, conquistei tudo o que tenho, sei o que os meus pais e a minha irmã estão a passar porque são professores. Sei que, de hoje para amanhã, posso não ter trabalho, tenho o meu curso, mas também não há trabalho.

É uma das atrizes que mais interagem no facebook com os fãs. Gosta de retribuir o carinho que lhe dão?

Sem dúvida. Faço porque gosto. Recebo por dia cerca de 100 mensagens privadas, tento responder a algumas. Entro em diálogo com eles nos 'post'. Se calhar essa interação constante é que faz com que eu tenha tantas pessoas no facebook.

Já disse várias vezes que vai de férias com os seus pais. Sempre fez férias com a família?

Sempre. Lembro-me de correr os parques de campismo todos do Algarve, de Sesimbra... lembro-me de ir a cantar Rui Veloso no carro, de levarmos uma lancheira para pararmos a meio, porque antigamente levávamos seis horas a chegar ao Algarve. Passava um mês inteiro em Castelo Branco com os meus avós e outro mês no Algarve com os outros avós. Somos muito ligados desde sempre. No ano passado fui para as Bahamas e para Miami só com o meu pai. Divertimo-nos imenso. Com a minha mãe é igual e com a minha irmã então... é a melhor companhia de sempre.

 

E como está o seu coração?

Está tranquilo. Não está a pensar em nada, não está a procurar nada nem à conquista de nada. Está ao sabor do vento.

É das mulheres mais cobiçadas de Portugal...

Por ser atriz apenas, porque sou uma pessoa normal. Morena de olhos castanhos, é verdade faço desporto, tenho formas, mas não sou uma Sara Sampaio, que é linda de morrer. Obviamente que, por não ter namorado torno-me uma namoradinha de Portugal. Não saio de casa a pensar que vai ficar toda a gente a olhar para mim.

 

Esse título pertencia a Catarina Furtado...

(risos) Para mim é uma honra, porque tenho-a muito em conta. Se calhar é positivo, se me tiverem em consideração como tiveram a Catarina fico muito contente.

 

Não sente falta de ter alguém ao seu lado?

Claro que sim. Ia mentir se dissesse que não. É o que toda a gente diz, não vale a pena procurar, há de acontecer. Sempre tive namorado, e de longa duração. Não sou miúda de andar aqui e ali e de me sentir bem com isso. Gostava de um dia encontrar alguém que substituísse as minhas cadelas a meu lado na cama (risos). Mas não procuro. Esta novela trouxe-me uma energia muito positiva e ensinou-me a pensar na vida a sorrir.

 

Fonte: Jn

publicado por *Patricia* às 22:38
link do post | comentar | favorito
Domingo, 31 de Março de 2013

“Não posso chorar”

Ao FLASH! Vidas, a actriz, de 31 anos, revelou como a sua vida mudou

Foi num registo intimista e revelador que Rita Pereira conversou com o FLASH! Vidas. Na conversa, transmitida nas duas primeiras emissões do programa, a actriz de 31 anos falou do lado bom, e do lado menos bom, da fama.

Com destaque para o imenso carinho que recebe dos fãs. A actriz da TVI falou das coisas que mudaram na sua vida desde que abraçou a representação. “Quando vou comer um hambúrguer estão dez pessoas a comê-lo comigo”, disse a estrela de televisão durante a entrevista que deu ao programa diário, transmitido em directo nas manhãs da CMTV. “Não posso chorar em público, o que é algo perfeitamente normal quando estamos tristes ou nos acontece alguma coisa”, confessa.

Falou dos pais, da irmã, e de como eles lidam com a sua fama. Dos pedidos de ajuda que recebe e que tenta, ao máximo, dar resposta. Referiu a possibilidade de voltar a trabalhar no estrangeiro, ela que já filmou no Canadá. Disse que desde os 16 anos que faz catálogos de moda para noivas e por isso já sabe o vestido que vai usar no seu casamento. “Só falta mesmo o noivo”, revelou na entrevista.

publicado por *Patricia* às 16:41
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 31 de Dezembro de 2012

Roupa interior não é para cenas

A actriz Rita Pereira aproveitou uma entrevista à revista ‘Lux’ para dizer aos portugueses que já não é a "menina rebelde que podia dizer tudo o que vinha à cabeça".

Aquela que irritava os professores com a sua insolência ("Conseguia responder-lhes sem ser mal-educada e sem poderem mandar-me para a rua."), e que ainda hoje se perturba ao recordar a rapidez com que deixou de ter as revistas cor-de-rosa aos pés aquando do fim do namoro com Angélico Vieira, mas ainda consulta a família antes de tomar decisões.

"Desde o vestido que vou usar nos Emmys até a questões de contratos, falo sempre com os meus pais e a minha irmã", confidenciou, culpando-os indirectamente pela famosa reacção do então administrador da TVI, Bernardo Bairrão, ao decote que levou a Nova Iorque.

Para a protagonista da telenovela ‘De Mulher para Mulher’, na qual será uma mecânica de automóveis, a vida é feita de relações "inventadas por jornalistas" – com os futebolistas Cristiano Ronaldo e Nani ou com o actor Paulo Rocha – e da convicção de que evita o estatuto de sex symbol, abdicando de "boquinhas", "olhinhos" e "decotes até ao joelho". "Nas novelas, recuso-me a fazer cenas em sutiã e cuecas", garante Rita. Imagina-se o desconforto dos colegas antes das gravações enquanto esperam que ela vá ao camarim tirar a roupa interior.

 

Fonte: Vidas

publicado por *Patricia* às 15:05
link do post | comentar | favorito

.Copyright Info / Info Adicional

Todos os gráficos e conteúdo original pertence ao blog Rita Pereira Portugal. Outras imagens e textos pertencem aos seus respectivos proprietários. Não há nenhuma intenção de ferir qualquer direito autoral. Este site NÃO É oficial e não tenho nenhum contacto com a Rita Pereira, TVI ou qualquer entidade oficial ligada á mesma. Sou apenas uma fã que faz um blog para outros fãs. Free counter and web stats